Queria que esse fosse meu último texto de amor

10:01

Agora está escuro. Lá fora só as luzes dos prédios estão acessas iluminando a rua que já percorremos de mãos dadas. E no final da rua nos despedimos com um beijo. Lembra? Talvez a raiva que você esteja sentindo impeça de você lembrar. Mas eu lembro.

Depois de tudo, o que eu queria mesmo era usar a minha saia branca com minha blusa xadrez amarrada na cintura. Mas usei essa mesma saia ontem, e semana passada, e mês passado. Eu também queria que esse fosse meu último texto de amor. Mas eu já tenho arquivado na minha pasta, vários outros textos sobre amor. Sobre eu. Quer dizer. Sobre você. Sobre nós dois.

Um desses textos fala sobre aquele dia em que nos encontramos por acaso dentro do ônibus, na volta para casa, e sentamos lado a lado jogando conversa fora entre um beijo e outro. As pessoas olhavam, o cobrador que antes me encarava agora me respeitava. A menina de cabelo preto te olhava de canto de olho e você não percebia. E eu me mordendo de ciúmes fazia questão de te beijar para ela ver.

Nesse dia tenho certeza que você teve umas daquelas suas surpresas que você adora. Você se surpreendeu quando eu disse que tocava piano, apesar de você já saber, que eu arranhava violino e tinha vontade de tocar violão. Nesse dia tenho certeza que soltou gargalhadas internas quando cantei em inglês pra você. Prometo nunca mais cantar daquele jeito. Prometo. Mas quero que se lembre de que foi você que pediu. Foi você.

Agora estou sozinha. Aqui nesse quarto, com o pisca-pisca ligado imitando a sintonia e o batimento do meu coração quando ouço sua voz. Estou aqui ouvindo aquelas músicas que você passou para o meu pen drive depois de duas semanas em que nós nos beijamos pela primeira vez. Lembra? Acho que não. Ou talvez sim.

Sinto vontade de nesse momento sair caminhando nessa rua vazia. São exatamente 2:13 da madrugada e não porque, mas algo faz eu pensar que talvez eu vá te encontrar no final dela. Talvez, se eu tiver com sorte, você esteja usando aquela sua jaqueta e quando eu te encontrar você vai tirar ela e irá me dar para eu vesti-la. Com certeza estarei com frio e com saudades do seu cheiro e de te borrar com meu batom vermelho.

You Might Also Like

8 comentários

  1. Gostei flor, está bem legal, fofo e bem escrito. Muito lindo e charmoso! Amei Te convido a conhecer o meu blog. Se gostar e puder me far uma forcinha me segue, ctz retribuirei o carinho!
    www.makeolatras.blogspot.com.br
    Bjsss =]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Bia, Irei conhecer sim. Um beijo.

      Excluir
  2. Own own own, estou apaixonadinha pelos seus textos mega românticos, são tão reais e cheios de sentimentos :( nada justo, bate a maior carência depois que leio eles. Why???

    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gosta Bru... Carência? Hahaha
      Beijos

      Excluir
  3. Que coisa lindaaa!!!!
    Texto tão cute e cheio de energias.
    Adorei *-*
    O dom da escrita é a coisa mais linda desse mundo.
    Parabéns!
    Beijos.

    ResponderExcluir

Popular Posts

Instagram

Inspiração do Dia

Inspiração do Dia